Nas alturas da Big Apple

Saímos na Revista VOX Objetiva, falando sobre a maravilhosa cidade de New York. Conhecida como Big Apple. Segue abaixo um trecho da nossa entrevista, na sessão, nas alturas da Big Apple para o Viajando Sem Medo.

http://www.voxobjetiva.com.br/noticia/1014/nas-alturas-da-big-apple

“Se existe uma cidade que traduz o significado do sonho americano, onde é possível realizar tudo o que se deseja, esse lugar é Nova Iorque. Objeto de inspiração para filmes, músicas e peças de teatros, a cidade cosmopolita está presente na vida de tantos cidadãos que chega a ser estranha a sensação de familiaridade ao andar pelas ruas – mesmo pisando lá pela primeira vez.

Nova Iorque ocupa um dos primeiros lugares na lista do Councilon Tall Buildings and Urban Habitat (CTBUH) como uma das cidades com a maior quantidade de arranha-céus no mundo. É quase impossível se ver nessa grandiosa selva de pedra sem se sentir forçado a olhar para o alto a fim de não perder nenhum detalhe.

E é das alturas que temos as mais agradáveis experiências da paisagem nova-iorquina. Há diversos lugares com a promessa de proporcionar as melhores vistas para a cidade. São inúmeras opções para todos os estilos e bolsos. Certamente a seu modo, cada uma delas proporciona um ângulo único da Big Apple.

Blogueiros especialistas no tema viagem e membros da Rede Brasileira de Blogueiros de Viagens (RBBV) indicam que, para obter as melhores vistas, é importante escolher o horário adequado para visitar cada um desses locais.

Sob os raios de sol

O One World Trade Center, edifício inaugurado recentemente na região da baixa Manhattan, carrega nas estruturas de aço a missão de ocupar o lugar das ilustres Torres Gêmeas. Em 11 de setembro de 2001, quando o mundo parou para observar o maior ataque terrorista da história dos Estados Unidos, a promessa da reconstrução do local foi feita pelo prefeito da cidade, Rudy Giuliani, após 12 horas dos atentados. “Vamos reconstruir. E não apenas isso: vamos voltar mais fortes do que éramos. Vamos fazer o edifício mais resistente que já existiu”, prometeu o prefeito sob o olhar atento da imprensa internacional.

A partir daí, uma competição em nível mundial foi iniciada. Arquitetos renomados de vários cantos do mundo enviaram ousadas propostas e, após cinco anos de discussões, o design final da torre foi aprovado. O projeto escolhido foi do arquiteto americano David Childs, conhecido por obras como o World Wilde Plaza, na 8ª Avenida, e o terminal de desembarque do Aeroporto Internacional John F. Kennedy (JFK), em Nova Iorque.

David Childs assistiu de camarote à colisão dos aviões com as Torres Gêmeas. No fatídico 11 de setembro, ele trabalhava no escritório que dá vista para os edifícios. “Eu me lembro que um jovem rapaz veio até mim com lágrimas nos olhos perguntando se as Torres iriam cair. Eu prontamente disse que não. Se elas não tivessem sido derrubadas com o impacto da colisão, elas não iriam cair”, comentou ele em entrevista para o Documentário Oficial do One World Trade Center.

O arquiteto se referia ao fato de que, até então, nunca na história da construção um edifício com estrutura de aço teria desabado por motivos de incêndio. Mas o inesperado aconteceu e o mundo testemunhou a queda das Twins Towers.

Com 104 andares e mais de 540 metros de altura, o One World Trade Center, também conhecido como a Freedon Tower (Torre da Liberdade), marca o renascimento de Downtown Manhattan. Apresentando uma combinação inovadora de arquitetura, segurança e sustentabilidade, o novo prédio passa a ser o endereço de escritórios mais cobiçados do mundo e do Observatório aberto ao público onde se pode contemplar uma das mais deslumbrantes vistas da cidade.

O OWTC já ocupa o topo da lista de lugares imperdíveis para os viajantes que passam pela cidade. Quanto ao horário ideal para visitá-lo, à luz do dia é sugestão unânime dos blogueiros de viagens.

A bióloga Thelma Alves, fundadora do blog ‘De Casa para o Mundo’, conta ter participado da inauguração do edifício. “Tive o privilégio de estar em Nova Iorque no dia em que o OWTC foi aberto ao público. Muitas das pessoas presentes nesse dia estiveram envolvidas no processo de reconstrução do local ou eram familiares das vítimas dos atentados. Era notável o sentimento de dever cumprido ao ver aquela região completamente revitalizada”, comenta. Para Thelma, um dos momentos inesquecíveis foi ver de perto a exaltação do patriotismo americano.

A analista de sistemas Rafaela Machado, que escreve relatos de suas aventuras no blog ‘Viajando sem Medo’, também compartilha esse sentimento. “Entrar no ultramoderno elevador da Freedon Tower, ver o filme que remonta à história de revitalização do lugar e em poucos minutos chegar ao 102º do prédio é uma das experiências mais marcantes dessa visita”, indica a blogueira.

Mais dicas no link.

 

VIAJE SEM MEDO ...

Você sabia que quando você faz uma reserva com um link aqui do blog, nós ganhamos uma pequena comissão? Não é cobrado nada a mais por isso e ainda ajuda o Viajando Sem Medo a produzir mais dicas de qualidade! Então, ajude o nosso Blog e vamos reservar?

Reserve seu Hotel Booking

Seguro Viagem: Seguros Promo

Chip Internacional: America Net Mobile

Aluguel de Carro: Rentcars

Aluguel de Malas: GetMalas

Rafaella Machado
Rafaella Machado
Olá! Eu sou Rafaella Machado. Sou apaixonada por fotos e viagens. São muitas histórias e desafios para contar, porque eu Viajo Sem Medo! Vem com a gente se você ama desafios.
Leave a Comment